terça-feira, 19 de abril de 2016

Navegando com Saúde na Internet

Fabio Deboni, do Sabin, Christiano ramos e senador Adelmir santana

ONG Amigos da Vida iniciou nesta segunda feira a campanha Navegando com Saúde, voltada para jovens internautas sobre os riscos do HIV/Aids. Presidida por Christiano Rramos, a Amigos da Vida apresentou o projeto na última semana, na sede do Instituto Fecomércio. .
Entre os presentes, políticos, empresários, dirigentes de ONGs e de organismos internacionais como a UNAIDS.

“Morei muitos anos fora do Brasil, e quando voltei, depois de 15 anos, fiquei assustada com a falta de campanhas de conscientização voltadas para este público”, comentou Georgiana Braga-Orillard, diretora da Unaids, destacando a relevância da inciativa da Amigos da Vida.

A iniciativa, como explicou Christiano, consiste em levar informação sobre prevenção ao HIV/Aids e demais DST’s a adolescentes e jovens de 14 a 29 anos, que navegam em chats de relacionamento e aplicativos de sexo na internet. Como diferencial para uma abordagem efetiva, uma linguagem leve. “é muito importante alcançar os adolescentes e jovens adultos, que são peças fundamentais para mudar a realidade da epidemia no país”, discursou Cristiano.

O objetivo é diminuir a incidência da infecção pelo HIV/AIDS nesse segmento da população, com a veiculação de informações sobre prevenção e combate às DST’s. De acordo com o perfil epidemiológico do Programa Nacional de DST/AIDS e Hepatites Virais, esse grupo é o que se encontra em situação de maior vulnerabilidade no Distrito Federal.

“Nos engajamos neste projeto, pois acreditamos muito em responsabilidade social. Estamos juntos e vamos replicar tudo o que estiver nesse projeto em nossa redes sociais”, afirmou Adelmir Santana, senador e presidente da Fecomércio. Já a deputada federal Erika Kokay, da Frente Parlamentar de enfretamento à Aids, destacou a importância do ativismo incansável da ONG Amigos da Vida.

“É muito bom ter aliados nessa luta. Experiências como essa que a Amigos da Vida compartilha conosco e com a sociedade faz com que tenhamos mais fé na humanidade. É, realmente, louvável”, elogiou.

O projeto conta com o apoio dos Institutos Fecomércio, Sabin e Bancorbrás e Unaids.

Crédito: Raphael Carmona