sexta-feira, 4 de setembro de 2015

Studio do Jornalista por Bárbara Paiva

O colunista Marcelo Chaves recebe homenagem nesta edição da mostra Casa Cor
Um espaço para recepção, aconchegante, contemporâneo e sofisticado. Essa é a proposta da arquiteta Bárbara Paiva para a mostra Casa Cor Brasília, que explora este ano a brasilidade, tema escolhido por meio de pesquisa de mapeamento do segmento. Bárbara, que comanda na cidade escritório de arquitetura com o seu nome, aposta na modernidade e elegância de tendências que juntas tornam o espaço único e diferenciado, resultado de uma proposta criada para fugir dos moldes tradicionais de um escritório comum.
O ambiente da arquiteta, o Estúdio do Jornalista, foi inspirado e produzido em homenagem ao jornalista
Marcelo Chaves, autor da coluna Com Estilo do Jornal de Brasília, e conta com 65m² divididos em três espaços distintos: living, escritório e lavabo, integrados por meio da poltrona Norman e do papel de parede Parterre, da Artline. Todos os ambientes são marcados por um layout livre e contemporâneo, voltado para alguém culto, atualizado e sempre ligado em tendências e estilo.

Para o living, a arquiteta escolheu estofados de designer exclusivo da Prima Línea, patrocinadora de todo o ambiente; duas mesas de centro Madri com tampo de mármore Imperial; duas poltronas Pollock; sofá Berlin e chaise redonda Dubai. A moldura do espaço é o jardim, que se destaca pelo uso de cobogós Craft, da linha Studio Craft, lançamento da Portobello em 2015. Para compor com as escolhas da profissional, tons de madeira e bege, com destaque para o piso em madeira da Sonotto, revisteiros Eixo 7, banco Cap, mesa lateral Sago e a mesa Versa, que dá apoio ao banco Norman e à mesa lateral Cidere.

No escritório, que também é um ambiente voltado para a recepção, a mesa Hathor domina o local e é adornada pelo belíssimo pendente John 270, da Persoluce. Integram ainda o espaço a cadeira Menphis, emoldurada por persiana HunterDouglas, revendida pela Artline; cadeiras de palha natural Hera; duas estantes Turim e espelho bronze que leva sensação de amplitude e reflete todas as elegantes escolhas da arquiteta para a mostra.

O lavado, o terceiro ambiente do mesmo espaço assinado pela arquiteta, traz chapas de MDF laqueado brilhante na cor bordô, que reveste paredes e teto, criando assim uma caixa monocromática. Compondo com a grande bancada solta da parede no mesmo tom e ressaltando a sensação de unidade, estão metais e louças Deca, com cuba lançamento exclusivo na cor Gold Matte; bacia suspensa no ébano brilhante, também lançamento; banqueta Giza em madeira castanho e palha natural e ainda pendente Zero, da Persoluce, empresa brasiliense especializada em iluminação e representante das grifes Interpam e Cristiana Bertolucci em Brasília.