segunda-feira, 25 de maio de 2015

Bom atendimento é garantia de satisfação

Coach afirma que, para fidelizar clientes, é preciso trata-los da maneira adequada.
Com a quantidade de opções mercadológicas que existem nos dias de hoje, a simples vontade ou necessidade de comprar um produto ou contratar um serviço não é mais o principal determinante na escolha de um cliente. Para conquistar a clientela, e ser a sua principal opção na hora da compra, é preciso se mostrar disposto a atendê-la da maneira correta.
O consumidor, além de qualidade e bom preço, também quer se sentir satisfeito na hora da compra, sentir que está sendo "bem cuidado" pelos vendedores. Segundo o psicólogo e master coach 
João Alexandre Borba, faz diferença, na avaliação de quem está comprando, ter alguns elementos básicos atendidos por quem os atende. "A gentileza, principalmente, deve ser sempre visada e estimulada, por parte dos patrões, para seus funcionários. Ninguém gosta de ser mal tratado em lugar algum, o que dirá em um estabelecimento ou empresa em que se pretende gastar dinheiro", afirma.

O profissional explica que é necessário, primeiramente, que haja um bom relacionamento entre os funcionários de diferentes equipes e setores, pois, se a empresa tiver um bom entrosamento, transmitirá simpatia, também, no atendimento. 
"Todos os colaboradores devem se esforçar e envolver na hora de receber, captar e fidelizar os clientes, para que eles sintam vontade de voltar", conta.

Ele fala que o famoso ditado "não julgue um livro pela capa", geralmente, é pouco lembrado nessas horas, pois, o primeiro atendimento em um empreendimento ou empresa pode ser crucial para a criação da imagem dele para o cliente. 
"Não se pode desconsiderar a opinião do freguês, seja em um atendimento via internet, telefone ou presencial. Uma boa ideia, que pode ser implementa pelos superiores, é pedir um feedback, dos clientes, para saber como os funcionários estão se saindo nesse setor, o que pode ser melhorado, etc", diz.

Borba oferece algumas dicas para que um bom atendimento seja o "cartão de visita" da empresa ou empreendimento. 
"Ser simpático sempre, expondo seus produtos de maneira positiva, porém sem mentiras, é uma boa maneira de começar. Ligar ou mandar um e-mail para o cliente, para saber o que ele achou dos produtos e atendimento, indica preocupação com a satisfação", sugere.

Ele ainda lembra que qualificar, sempre, a equipe, para que o atendimento seja sempre melhor, é uma forma de estimular os colaboradores, ao mesmo tempo em que melhora a imagem da empresa, na visão do cliente. 
"De maneira geral, tratar cada cliente como se fosse único tem grandes chances de fideliza-lo, e, promovendo a gentileza entre os funcionários e freguesia, faz com que o ambiente de trabalho se torne melhor", conclui.




Serviço:
João Alexandre Borba
Master Coach Trainer e Psicólogo
joao.alexandre@live.com
www.facebook.com/joaoalexandre.c.borba