terça-feira, 7 de abril de 2015

Bloco Arquitetos representa Brasil na Espanha

Escritório de arquitetura brasiliense é um dos dois nomes convidados para participar da Bienal de Arquitectura Latinoamericana (BAL)
O BLOCO Arquitetos, que tem à frente Daniel Mangabeira, Henrique Coutinho e Matheus Seco, foi um dos dois escritórios de arquitetura, em todo Brasil, escolhidos para representar o país na Bienal de Arquitectura Latinoamericana (BAL), que acontece na cidade de Pamplona (Espanha), entre os dias 15 e 17 de abril. Os sócios embarcam nesta sexta-feira (10) rumo ao Velho Continente para dar palestra que integra a programação do evento. Seguem ainda para Madri, a convite da organização da Bienal, para palestrar na Casa de América.

As conferências, que mostram o trabalho desses jovens arquitetos latino-americanos selecionados, acontecem pelas manhãs, na Escola de Arquitetura da Universidade de Navarra. À tarde, de forma complementar, a cidade de Pamplona realiza outras conferências com personalidades convidadas, seguidas por mesas redondas onde são discutidos os temas abordados nas apresentações.

Sobre o Bloco - No ano de 2008 os arquitetos Daniel Mangabeira, Henrique Coutinho e Matheus Seco fundaram, em Brasília o escritório DOMO Arquitetos. Seis anos depois o escritório havia crescido em tamanho e em especialização. Finalmente em 2014 a DOMO mudou de nome para BLOCO Arquitetos, aumentando sua equipe de arquitetos associados e consolidando seus serviços de coordenação entre seus projetos de arquitetura e demais especialidades. O novo nove marca uma nova fase.

Dentro do Plano Piloto de Brasília os edifícios são chamados de Blocos: o Bloco residencial, o Bloco comercial. O Bloco também é um dos elementos da construção: o Bloco de concreto, o Bloco de fundação. “Construímos nosso trabalho de forma coletiva. O nome BLOCO faz referência à nossa cidade e ao nosso método de trabalho”, afirma os sócios.