quinta-feira, 3 de julho de 2014

Fabio Porchat fala sobre os desafios de trabalhar com o humor no Brasil.

A edição de Julho da GQ Brasil traz na capa o ator e roteirista Fabio Porchat, um dos principais nomes do humor nacional. Acompanhado pela revista por um final de semana no Rio de Janeiro e entrevistado pelo diretor da redação, Ricardo Cruz, o ator conta sobre os desafios e oportunidades da sua carreira no País. "O brasileiro não sabe rir de si mesmo. No Brasil ninguém é corno, só a loira e o português são burros. O brasileiro é malandro, sempre se dá bem e odeia otário. Pode perdoar tudo, menos a burrice. E o stand-up parte do pressuposto que você se sacaneia primeiro, para depois falar do outro.", diz.

Porchat, o homem que mais trabalha no showbiz brasileiro, conta como concilia sua agenda de apresentações, ensaios e a vida pessoal com tempo para a família, amigos e namorada. O idealizador e ator do programa Porta dos Fundos participou do elenco de diversos filmes, ensaia e faz peças de teatro e apresentações solo de stand-up. 
"Ninguém desafia um comediante com um microfone na mão.", conta.

GQ Brasil
A missão de GQ Brasil (www.gqbrasil.com.br)é ser o guia essencial de estilo, cultura e lifestyle do homem brasileiro sofisticado, oferecendo a ele, em diversas plataformas, o melhor do universo masculino: um conteúdo eclético e inteligente com reportagens investigativas, entrevistas reveladoras com pessoas que fazem a diferença na sociedade brasileira e internacional, e as últimas novidades nas áreas de tecnologia, saúde e cuidados masculinos (grooming), esportes e fitness, música, moda e estilo, viagem, gastronomia, bebidas, carros e motos consumo, entretenimento, mulher e política.

Mensalmente, na revista e no iPad, e diariamente, no site e em aplicativos para smartphones, GQ Brasil conecta os seus leitores extremamente qualificados sócio e culturalmente a novas tendências e produtos prime.