sexta-feira, 8 de novembro de 2013

Elvis' Harley e Bonfim Netto, o reencontro

No início do mês de agosto o artista Bonfim Netto viveu o desgosto de ter um bem, uma motocicleta Harley Davidson roubada. Mais que um meio de transporte, a moto era parte importante do seus trabalho, uma vez que entrava nas performances do artista como o Elvis Presley da Elvis Band Brasil, há mais de 11 anos. Amigos e moto-clubes da cidade se engajaram em ajudar Bonfim a encontrar sua Elvis' Harley. E não é que 20 dias depois seu paradeiro foi descoberto?


Após uma temporada na oficina para ser recuperada -- foi jogada em um barranco--, a moto está novinha em folha. Bonfim, como forma de agradecer a todos que ajudaram a promover este reencontro, escreveu uma carta de agradecimento a todos e agora trabalha na organização de um show beneficente que acontecerá ainda este ano.

Confira abaixo a carta divulgada em sua rede social:

Queridos amigos,
Quero deixar registrado aqui que nada é mais importante do que ter fé. Como muita gente sabe, no dia 4 de agosto furtaram minha motocicleta, meio de transporte, literalmente, muito importante para o meu trabalho, já que eu a usava em minhas performances. Fiquei extremamente chateado e compartilhei o ocorrido no FaceBook e Instagram, pedindo a ajuda dos amigos. Enfim, fiz um movimento gigantesco para reaver meu bem.

Sem boas notícias, confesso a vocês que depois de uns 18 dias assumi que minha moto, também uma de minhas paixões, havia se perdido de vez. Foi uma sensação muito ruim, mas tentei manter o espírito em alta, dizendo a mim mesmo que se tratava apenas de um bem material. Pensei assim: Ok, Bonfim, toca o barco, confia em Deus e vamos em frente! Mas como dizem, quem tem amigo, tem tudo!

Pessoas queridas e motociclistas ficaram de prontidão e começaram a me ajudar, compartilhando o caso e lutando para descobrir o "paradeiro" da moto. Um bom motociclista entende o significado de se ter uma moto: é muito mais que um meio de locomoção. Há todo um carinho envolvido e você acaba se tornando parte daquele meio de convivência que a prória moto fez acontecer. Pois bem, 20 dias após o roubo, recebo um telefonema dizendo que a moto tinha sido achada em um barranco próximo a Brasília. Confesso que neste dia eu apenas agradeci a Deus e prometi a mim mesmo que nesta vida o que importa mesmo é ter amigos e ajudar as pessoas que você puder.

Hoje estou aqui para agradecer a todos os que contribuíram para esse reencontro tão feliz: Policia Civil, Polícia Militar, Polícia Rodoviaria Federal, Dlucas e sua esposa Lidia, comandante Alfredo, comandante Alberto e sua mulher da PM, Ana Paula, meu primo Leonardo Santos, Denner, Jonnas (Mecânico do Tio Leo), Tio Leo, Jonnas, Robson, Werry, Motoclubes (Carcarás em especial), Abutres, Águias do Cerrado, Lobos, Vulcanas, Brutus e a vários outros que ajudaram, direta ou indiretamente. Alguns atuaram na investigação, outros deram a maior força com palavras de amizade, incentivo, força! Por favor, quero muiiiiiiito agradecer muito a todos vocês do fundo do meu coração. Que Deus possa devolver todo o carinho que me deram.

Como forma de agradecimento farei um show beneficente no final do ano e quero abraçar cada um de vocês com minha alma.

Um abraço no coração!

Bonfim Netto