quinta-feira, 24 de outubro de 2013

Zonas Norte e Oeste do Rio de Janeiro são as que mais se valorizaram em 2013

Apesar de o Leblon e Ipanema ainda conterem os metros quadrados mais caros do país, as maiores valorizações de preços ficam longe dali.
Os bairros de Leblon e Ipanema  no Rio de Janeiro, continuam sendo, sem novidade para ninguém, as regiões brasileiras com os imóveis mais caros. Porém, em um período de um ano – de julho de 2012 a julho de 2013, - os metros quadrados brasileiros que registraram maior aumento ficam localizados em bairros da zona oeste e da zona norte da capital fluminense.
Segundo dados do Índice FipeZap, os imóveis que tiveram as maiores altas nos preços ficam no bairro da Penha, na zona norte carioca, que sofreram com uma valorização de 57% no intervalo analisado – e somente no mês de julho, os valores do metro quadrado nessa região cresceram 17% em relação a junho.

Também na parte norte da cidade, Madureira foi o segundo lugar que registrou as maiores valorizações nos preços. Lá, a alta foi de 41%. Em seguida aparece Vargem Grande, na zona oeste, que completou a lista das principais altas nos preços, com 39%.

Para Carlos Samuel de Oliveira Freitas, advogado e diretor de condomínios e jurídico da Imobiliária Primar Administradora de Bens, do Rio de Janeiro, essas regiões estão se valorizando desde 2012 porque recebem altos investimentos segurança pública e infraestrutura.

“A pacificação, o crescimento do financiamento imobiliário e a grande força econômica da população dessas regiões são alguns dos fatores para a valorização do metro quadrado nessa área”, diz Freitas, que comenta que a Zona Sul já é considerada saturada por muitas pessoas devido aos seus altos valores.

“Tanto as construtoras como o poder público voltaram a investir na Zona Norte. Exemplo disso é Marechal Hermes, em que há a expectativa de receber a extensão do Parque Madureira. Dessa forma, quem quer investir na região já começa desde agora”, comenta o especialista.

Apesar do aumento dos valores nas zonas norte e oeste, em valores absolutos, o Leblon, na zona sul do Rio, continua sendo o metro quadrado mais caro da cidade e do país, valendo R$ 21.767. O bairro vizinho, Ipanema, segue logo atrás, com o valor de R$ 18.177. Além disso, a cidade do Rio continua apresentando o maior preço médio do metro quadrado no país: R$ 9.160, contra R$ 8.346 em Brasília e R$ 7.192 em São Paulo.



Primar Administradora de Imóveis
Site: http://www.primaradministradora.com.br
Blog: http://primaradministradora.blogspot.com
E-mail: diretoria@primaradministradora.com.br
Fone: 21 3297-8675/ 3297-8666 / 3550-5030
Endereço 1: Rua Arquias Cordeiro, N° 324, grupo 212, Méier, Rio de Janeiro – RJ.
Endereço 2: Rua Dalcídio Jurandir, 255, loja 125, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro – RJ.