segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Aproveite o Verão sem Prejudicar a Saúde

O verão está chegando e para aproveitar toda a alegria e beleza da estação é preciso tomar alguns cuidados. Cabelos, pele, alimentação, e até mesmo os olhos precisam de atenção redobrada, pois é nessa época que a maioria das pessoas se descuida um pouco da saúde e acabam estragando sua diversão.

PELE - Sem dúvidas o sol é o grande vilão e pedir para as pessoas não tomarem sol é impossível. “A praia e a piscina são a cara do verão brasileiro e não tem como impedir que as pessoas se exponham ao sol, e é por isso que qualquer distração pode representar alguns indesejáveis problemas como queimaduras, insolação e manchas”, explica Erasmo Tokarski, dermatologista e presidente da sociedade brasileira de cirurgia dermatológica no DF.
 
O primeiro cuidado é a utilização do filtro solar, ele  deve ser aplicado  20 minutos antes da exposição ao sol, de maneira uniforme por todo o corpo e rosto, e não esquecer de fazer a reaplicação conforme indicam as instruções de cada produto. Não abra mãos de chapéus, bonés para proteger o rosto e evitar manchas. O médico alerta, ainda, bronzeador nunca deve ser usado, mas apenas os protetores e bloqueadores solares. E é claro evite a exposição entre 10h e 16h.

OLHOS - Na opinião dos oftalmologistas Jonathan Lake e Sebastião Ferreira Neto, da clínica Oftalmed, os brasileiros ainda não têm o hábito de proteger os olhos da exposição solar. “É muito comum as pessoas não utilizarem óculos de sol ou utilizarem produtos piratas sem nenhum fator de proteção solar, colocando  em risco a saúde dos seus olhos. O principal perigo é a radiação ultravioleta (UV). Eles aumentam as chances de desenvolvimento de catarata, pterígio (membrana que cresce sobre a córnea e pode distorcer ou cobrir a visão), câncer de pele nas pálpebras e degenerações de retina”, explicam eles.
Mas o alerta vai além: piscinas sem tratamento, com excesso de cloro, sujeira, ou mesmo lotadas, oferecem grande risco de contaminação. Nas praias as águas impróprias para banho e  areias sujas podem trazer contaminação. Na dúvida, só abra os olhos debaixo da água com o uso de óculos de proteção, para impedir infecções oculares.

Outra doença muito comum nesta época é a conjuntivite. Para evitá-la  necessário manter a higiene, lavar sempre as mãos, evitar ambientes poluídos ou fechados e não coçar os olhos.

ALIMENTAÇÃO - Outro cuidado para quem vai curtir as férias dever ser o consumo de alimentos. São muito comuns problemas estomacais e intestinais provocados pela ingestão de alguma coisa que “não caiu bem”. São tantas opções de delícias, espetinho de camarão, carne, cachorro-quente, pastel, raspadinha, crepe, sanduíches naturais, que as pessoas nem pensam no risco que correm com isso.
“Antes de escolher alguma coisa para comer na praia ou clube é preciso verificar as condições de higiene do local”, explica a nutricionista Priscilla Baracat. Uma boa dica é comprar alimentos nos quiosques. É bem mais seguro e na maioria das vezes são preparados na hora!  Sinal vermelho para produtos que levam maionese, como os sanduíches naturais. Este é um ingrediente que não combinada nada com o calor. No quesito sorvetes, dê preferências para as marcas conhecidas. Assim você tem mais certeza das condições de higiene no momento de preparo.